Senac

Rio Grande do Sul

Artigo

Quem é líder?

por Catia Aparecida Machado Espindola - docente do Senac Viamão

Quando falamos em líder, geralmente nos vem à mente uma pessoa instruída, com formação em sua área de atuação, que domine e que assuma uma postura de poder diante de um grupo, delegando funções e fiscalizando seus liderados. Não que essas características não estejam presentes, mas para ser um líder não se fazem necessárias somente essas habilidades.

Qualquer pessoa, de qualquer idade, que esteja em um grupo pode ser um líder. Pode ser uma criança com seus amiguinhos na hora de brincar, um adolescente com seu grupo de iguais, uma dona de casa liderando sua família ou um professor liderando seus alunos. Liderar, enfim, é uma maneira de agir, uma maneira de ser diante de um grupo ou equipe; liderar é desenvolver a visão do que é possível e realizável dentro de um contexto.

Embora algumas pessoas pareçam ter mais facilidade que outras para o exercício da liderança, ela não é uma condição definida no nascimento. Essas pessoas com traços de personalidade que as identificam como líderes certamente tiveram na sua infância experiências que contribuíram de maneira significativa para que desenvolvessem certas atitudes, habilidades e conhecimentos fundamentais para a liderança. Outros indivíduos podem assumir, primeiramente, um cargo de coordenação de pessoas que os faça desenvolver habilidades para exercer esse processo de liderança, promovendo os necessários ajustes à obtenção de melhores resultados.

Desenvolver habilidades, conhecimentos e atitudes de liderança é fundamental para quem desempenha a função de gestor. Cabe aos líderes não só a capacidade de atuarem com eficácia, mas terem habilidades necessárias para correr riscos e buscar resultados satisfatórios.

Ser líder é ser capaz de traduzir sonhos em realidade, dentro do possível, e não ser capaz apenas de inspirar os sujeitos, mas de ajudá-los a realizar essas possibilidades; não deixando de lado a realização de seus próprios sonhos e a obtenção dos seus ideais como líder. Por sua vez, um líder precisará saber aproveitar as oportunidades que aparecem em sua vida, valorizando todas elas; ter a consciência de que nem sempre as possibilidades são viáveis para o desenvolvimento de uma ação; saber aproveitar até mesmo as situações as quais acredita não serem as melhores.

É importante ressaltar que a liderança não é atributo somente do diretor ou supervisor da empresa. Ela pode ser desenvolvida por todos os sujeitos da organização. Ser líder é usar das suas capacidades para criar um ambiente interno e externo positivo, fazendo com que seus profissionais se sintam fazendo parte da empresa como sujeitos ativos.

É preciso liderar com criatividade; aprender a adaptar-se às situações e às pessoas, respeitando limites e comportamentos diferentes com o objetivo de fazer acontecer. Somente um líder comprometido plenamente com seu trabalho poderá liderar com qualidade, fazendo com que a empresa seja uma empresa de qualidade.

Vale aqui destacar que ser líder é uma tarefa para poucos, pois liderar bem e com responsabilidade, buscando a atuação de todos da equipe, é um trabalho que poucos querem assumir. Como nos diz Oliveira (2006), “Liderar verdadeiramente é uma das atribuições mais difíceis e muitas vezes pouco desejáveis de ser desempenhada em quaisquer instâncias”. Muitas vezes esse liderar se reporta ao “eu mando”, levando a equipe a apenas respeitar o que for decidido pelo líder, e não propriamente pela capacidade do líder em envolver seus liderados em um propósito, mostrando-lhes a necessidade de se fazer o melhor em benefício de todos, sendo uma liderança apenas de poder.

O líder que utiliza seu poder em seu grupo acaba não tendo resultados sistemáticos, apenas pontuais; não transforma as ações em estratégias, acaba trabalhando sozinho e levando a empresa a trabalhar em fragmentos, onde cada um faz apenas a sua parte dentro do todo.

O gestor deve saber que dentro de uma organização ele não atua sozinho, e nem tão pouco e o detentor do saber, ele necessita dividir tarefas para que possa se formar uma equipe atuante e comprometida. Os liderados por sua vez necessitam estar bem informados para poderem entender o que a organização necessita e qual a sua função, e saber que a participação dos mesmos somente enriquecerá a atuação dentro da empresa.

Serviços
Institucional
Contato
Top of mind 2018
Top de marketing ADVB 2018
Great Place to Work 2018
Top Ser Humano 2018
Nós apoiamos o Pacto Global
Melhores em Gestão 2018