Senac

Rio Grande do Sul

Artigo

O velho e bom marketing viral

por Rafael Damé

Sim, na minha modesta opinião, não há forma de marketing mais antiga do que o chamado marketing viral. Se tirarmos as “máscaras” e as “perfumarias” que o cercam, marketing viral não passa do bom e velho ‘boca a boca’ apoiado pela velocidade agressiva da internet. 


Campeão das pesquisas empíricas, somente supera o boca a boca, o boca a boca negativo, ou seja, o vírus. Marketing viral é repassar, através do transmissor, temas que considera que possam ser do interesse do emissor bem como do receptor, ou seja, fofoca mesmo.

 

Se todos pensarmos somente um pouco, veremos que a fofoca é uma das “ferramentas” mais beneficiadas pelo advento da internet, prova disso os sites de celebridades sendo os campeões de acessos em nosso país. 


Portanto, postar algo que as pessoas podem achar que dá ibope e que este ibope pode ainda se estender para o perfil da pessoa que o deflagrou, é ouro para a proliferação de informação que as marcas buscam na carona da impulsão frenética da internet. 


Portanto, vírus na rua, concorrência enfurecida, é o êxtase do mercado, vamos nos divertir! 

Serviços da faculdade
Serviços do Senac-RS
Acessos
Serviços
Institucional
Contato
Top of mind 2018
Top de marketing ADVB 2018
Great Place to Work 2018
Top Ser Humano 2018
Melhores em Gestão 2018