Senac

Rio Grande do Sul

Artigo

Afinal, o que é Halloween?

por Luana Dariva - Professor do Senac Tramandaí

O Halloween é uma data cheia de mistérios! Não existem evidências sobre a origem dessa data, mas existem diversas lendas e histórias, que são contadas até hoje. Alguns historiadores dizem que surgiu por volta do século 18, na Irlanda, entre os povos celta, que celebravam a boa colheita no final do verão. Esse festival era chamado de Samhain.  

Dizem também que o Halloween é celebrado desde o século 16 e que, com o passar do tempo, as culturas pagã e cristã se misturaram, relacionando o Dia de Todos os Santos (1º de novembro), e o Dia de Finados (2 de novembro), que antecedem o Halloween (31 de outubro). Acredita-se que nos dias próximos ao Dia de Finados, as almas vagavam pelas ruas e atormentavam as pessoas.  

Reza a lenda que luzes, lanternas e tochas estão relacionadas a crença de que a luz é a cura de todo o mal e que as pessoas costumavam colocar lamparinas e velas nas portas e janelas das casas para espantar as almas que vinham as assombrar.  

Acreditava-se também que almas gostavam de doces. Então, as pessoas colocavam potes com doces nas portas das casas, acreditando que os fantasmas iriam até a porta, pegariam os doces e iriam embora. Daí, surgiu a brincadeira do Trick or Treat (Doces ou Travessuras)! 

Dizem que a tradição das fantasias de fantasmas, bruxas e vampiros existe porque, naquela época, as pessoas acreditavam que, se elas se fantasiassem, elas confundiriam as almas.  

O Jack o’Lantern, a famosa abóbora esculpida com cara de mau, nem sempre foi abóbora. Na Irlanda, costumava-se usar o nabo, que era mais comum naquele local. Foi nos Estados Unidos que o nabo foi substituído pela abóbora, que era mais fácil de ser encontrada lá.  

Mas quem foi o Jack? Bom, essa é uma história que não é tão bonitinha assim... Dizem que Jack era um sujeito muito avarento que, no dia de sua morte, pregou uma peça no diabo. Jack, então, foi amaldiçoado pelo diabo, que transformou a sua cabeça em uma tocha. Jack colocou um nabo (que, depois, é substituído por uma abóbora) na cabeça e ficou vagando pelo mundo, aterrorizando os mortais.  

Essas são apenas algumas das histórias de Halloween que o povo conta por aí... Mas o que importa mesmo é que, hoje em dia, tudo não passa de uma grande brincadeira, que é celebrada no mundo todo com muita alegria e diversão, e muitas gostosuras também!  

“Trick or Treat
Smell my feet 

Give me something good to eat!” 

Teacher Luana Dariva

 

Serviços
Institucional
Contato
Top of mind 2018
Top de marketing ADVB 2018
Great Place to Work 2018
Top Ser Humano 2018
Nós apoiamos o Pacto Global
Melhores em Gestão 2018
Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade para melhorar sua experiência em nossos sites e personalizar a entrega de conteúdo do seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com essas condições.